jan 5 2011

É possível ter certeza!

Quando o famoso cientista M. Faraday estava a morrer, lhe perguntaram sobre suas expectativas quanto à alma. Ele disse: “Eu não sei sobre expectativas — estou descansando em certezas”. Depois acrescentou: “Eu sei!”

Há muitas áreas na vida sobre as quais perguntamos: “Será que posso ter certeza?” Casamento, dinheiro, saúde, emprego, etc. Há, porém, um assunto muito mais importante, que afeta nossa vida agora e na eternidade. É o assunto da salvação da alma. É possível ter certeza sobre isto?

Muitos dizem: “Faça o melhor, e um Deus amoroso provavelmente levará você ao céu”. Outros dizem: “Ninguém pode ter certeza”. Alguns até dizem que é presunção dizer que temos certeza. Mas eu gostaria de mostrar ao leitor que é possível ter certeza da salvação.

Veja alguns personagens bíblicos que tinham certeza. Jó, que perdeu tudo e que sofreu tanto, podia dizer, enfaticamente: “Eu sei” (Jó 19:25-27). Davi, cujos Salmos têm sido uma bênção para tantas pessoas, disse: “Habitarei na casa do Senhor” (Salmo 23:6). Ele não disse que gostaria de habitar, ou desejava, mas: “habitarei”. Paulo diz: “Eu estou persuadido” (Romanos 8:38). E também “sabemos … temos” (II Coríntios 5:1). João, na sua primeira epístola, enfatiza as palavras “para que saibais” (I João 5:13).

Alguém pode perguntar: “Se eu posso saber, como posso saber?” Deus nos dá a resposta — por uma simples fé na obra de Cristo, que no Calvário disse: “Está consumado” (João 19:30). As reivindicações de Deus foram plenamente satisfeitas, e Cristo foi ressuscitado dos mortos e está agora glorificado. Não é por confiar em batismo, comunhão, boas obras, lugares, ou igrejas, mas por confiar em Cristo.

Por W. J. Watterson (Fonte: Editora Sã Doutrina)

Deixe um Comentário