mar 15 2015

Demora fatal

Demora fatal“O sangue de Jesus Cristo, Seu Filho, nos purifica de todo o pecado” (I João 1:7)

No hospital duma cidadezinha do interior, o médico de plantão recebeu, à meia-noite, uma chamada do porteiro: “Por favor, senhor, venha depressa; chegou um que parece muito doente; foi mordido por uma cobra!” O médico corre para a geladeira onde se guardam as drogas especiais, tira dois pacotinhos contendo ampolas de ser um contra veneno de cobra, e dirige-se para a entrada do hospital, onde jaz o homem. Parentes e amigos estão chorando ao redor do doente. O médico entra no meio, ajoelha-se perto do homem para examiná-lo; logo acerta que este não tem pulso, nem respiração, e o coração não bate mais. Com tristeza o médico fala! “O homem morreu; não posso fazer nada por ele”. Os parentes tornam a chorar. O médico toma um deles à parte e pergunta-lhe: “Quando foi mordido esse homem?” Continue lendo





-->