ago 13 2012

Com certeza

“Quanto ao homem, os seus dias são como a erva, como a flor do campo assim floresce. Passando por ela o vento, logo se vai…” (Salmo 103:15-16)

Entre as muitas incertezas que acompanham as nossas vidas, uma coisa é certa, e é que todos nós havemos de passar para a eternidade.

Quer queira, quer não queira, a Palavra de Deus afirma: “aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo” (Hebreus 9:27)

É impressionante observar como o homem conseguiu se estruturar; com almejos, esforços, engenhos e cuidados, ele vai se ocupando como se nada viesse depois. Considere a área de saúde, educação, alimentação, segurança, comércio, negócios e lazer. Todas estas, por sua vez, podem ser justificadas por serem ‘legítimas ocupações’. Entretanto, pouco caso é dado para a parte mais importante: a parte que dura para sempre, a parte espiritual.

Com som alarmante, é Deus mesmo quem chama a nossa atenção dizendo: “Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá” (Efésios 4:14)

Sem perceber o perigo, a maioria anda com facilidade num caminho espaçoso. O Senhor Jesus Cristo nos avisa que este caminho espaçoso conduz à perdição (Mateus 7:13). Somos semelhantes ao homem na parábola que o Senhor Jesus Cristo contou. Pois em outras palavras dizemos a nós mesmos: “descansa, come, bebe e folga” (Lucas 12:19). Sem rodeios, O Senhor Jesus Cristo descreve esse homem como “LOUCO!” E ainda mais acrescenta: “esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?” (Lucas 12:20) Continue lendo

-->