jun 15 2012

Cristo crucificado

“Nós pregamos a Cristo crucificado” (I Coríntios 1:23)

Uma mensagem que não anuncia CRISTO CRUCIFICADO é um “outro evangelho”. Este evangelho do diabo tem como objetivo agradar o homem, acariciando seu ego, promovendo a sua arrogância e soberba, saciando sua cobiça e alimentando suas esperanças terrenas. Aos que transmitem tais mensagens, sejam conduzindo uma única pessoa  ou arrastando multidões, são anátemas, são malditos (Gálatas 1:10).

Há somente uma mensagem do Evangelho: CRISTO CRUCIFICADO, poder de Deus – escandaliza os que confiam em suas próprias obras – e sabedoria de Deus – considerada loucura pelos que confiam na sua própria sabedoria (I Cor.1:23).

CRISTO CRUCIFICADO, além de ser a maior prova da ruína humana, também é a prova do amor de Deus por você (Romanos 5:8). Continue lendo


ago 5 2011

Tornando-se um filho de Deus

“Vós tendes por pai ao diabo e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele foi homicida desde o princípio e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira” (Jo 8:44)

O início da citação deste versículo no Evangelho de João era para assustar a qualquer um. Digo “era” porque há pessoas no mundo que brincam, dão gargalhadas e zombam daqueles que lhes dizem esta palavra; palavra esta, dita pelo Senhor Jesus Cristo. Vale a pena transcrevermos o versículo por completo:

O amigo pode verificar a passagem e notará que o Senhor Jesus Cristo disse isto aos judeus; judeus que diziam ser filhos de Abraão. Podemos tomar ensino aqui para nós: não importa se a pessoa tem uma determinada religião (religião não livra ninguém da condenação eterna) e não importa se tem algum conhecido, parente ou familiar salvo; pois todos nascemos com uma natureza pecaminosa e sendo assim pecamos contra Deus; e digo mais: todos pecamos e este é o nosso desejo natural (de pecar contra Deus). Mas, por que este é o nosso desejo? Continue lendo


jun 13 2011

O Evangelho

“Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; ” (Romanos 1:16)

A ousadia na pregação do Evangelho era uma característica dos primeiros discípulos de Jesus Cristo. Anunciando uma mensagem considerada revolucionária, pois era dirigida contrária aos corações, os primeiros cristãos estavam dispostos a morrer pelo nome do seu Salvador. Suas vidas se resumiam em viver para Cristo e levar almas aos pés da cruz. A causa lhes era sublime demais (e ainda o é)! Trata-se de Deus que se fez homem com o firme propósito morrer no lugar de inimigos: você e eu.

EVANGELHO

Evangelho é uma palavra transliterada da palavra grega “evangelion”. Esta palavra significa “boas-novas” ou “boas notícias”. Quando o Senhor Jesus veio em carne, nascido de uma virgem, em conformidade com as Escrituras (Isa.7:14), o anjo do Senhor proclamou aos pastores: “Não temais, porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo: Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (Lc.2:10,11). O Evangelho são novas de grande alegria. É a boa notícia de Deus ao mundo! Continue lendo


dez 20 2010

A loucura mais sábia

“Eis que Deus é mui grande, contudo a ninguém despreza; grande é em força e sabedoria” (Jó 36:5)

“Seja bendito o nome de Deus de eternidade a eternidade, porque dele são a sabedoria e a força” (Daniel 2:20)

“Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens” (I Coríntios 1:25)


A SABEDORIA HUMANA

A criatura humana, dotada de inteligência, quer ser tão ou mais sábia que seu Criador. Mas obviamente isto é um ato de loucura e desvario! O néscio ou louco diz em seu coração: “Não há Deus” (Sl.14:1), pois não quer admitir que há um Criador que o conhece perfeitamente, o Qual conhece suas intenções, pensamentos e ações. Os que se gabam dos seus diplomas, conquistas, honras ao mérito, vêem-se no direito de “vomitar” aos céus o quanto são sábios, capazes, hábeis e inteligentes. Mas acerca destes “está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios, E aniquilarei a inteligência dos inteligentes. Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?” (I Coríntios 1:19,20) .

A sabedoria humana é loucura para Deus!

A FORÇA HUMANA

A criatura humana, dotada de força, capacidade e habilidade para dominar sobre as demais criaturas terrenas, quer ser tão ou mais forte que seu Criador. Correndo soberbamente, apesar de cego, o homem se julga mais forte do que tudo e todos, capaz de quebrar barreiras e vencer obstáculos, e ai daqueles que se colocarem em seu caminho. Para quê alguém que não se farta de “engolir” sua própria soberba e confiar em sua própria força vai buscar ou confiar em Alguém que, sequer, não pode ver com seus olhos naturais? Para estes Deus afirma: “quebrarei a soberba da vossa força” (Levítico 26:19).

A força do homem é fraqueza para Deus!

Continue lendo